mulher

Colar de âmbar báltico para bebês: riscos e benefícios

colar ambar bebe 1
Médicos contraindicam uso do colar (Crédito: Thinkstock)

Preocupadas com o bem-estar de seus filhos e crentes no poder fornecido pela natureza, famosas como Gisele Bündchen, Bárbara Borges e Rachel Zoe são adeptas do colar de âmbar para bebês.

Leia também:Cuidados com os dentes dos bebêsDe quantas horas de sono uma criança precisa?Assaduras: como evitar e tratar

Confeccionado com pedacinhos de resina fóssil cristalizada, o âmbar verdadeiro é encontrado na região do mar báltico e em sua composição está o ácido succínio, rico em propriedades analgésicas, anti-inflamatórias e relaxantes.

Para que o colar de âmbar serve?

Muitas das mães que optam por colocar o colar de âmbar nos filhos o fazem para aumentar a conexão com a natureza. Entretanto, outras acreditam que as propriedades analgésicas e anti-inflamatórias do ácido succínio são capazes de aliviar as dores causadas pelo nascimento dos primeiros dentes. Elas defendem que ao entrar em contato com a pele a resina aquece e libera óleos essenciais benéficos.

Colar de âmbar faz efeito?

As opiniões em relação aos benefícios do colar de âmbar para bebês são divididas. Enquanto adeptos da prática afirmam que ele deixa o bebê mais calmo e alivia as dores, pediatras alertam para o risco do acessório. Por ser constituído de pequenas partes amarradas em um cordão, ele pode causar enforcamento ou, ao romper, fazer com que a criança engasgue.

Além de ser um possível causador de acidentes, médicos também afirmam que não existem pesquisas científicas que provem os benefícios do colar de âmbar para a dor de dente dos bebês.

Como usar colar de âmbar?

O produto, mesmo sendo contraindicado por alguns especialistas pode ser encontrado em lojas de semijóia ou na internet. Para estes casos é importante priorizar peças com as bordas arredondas e com as partículas amarradas separadamente. O nó individual evita que, ao romper, o colar inteiro se desfaça.

Para saber se um colar de âmbar é verdadeiro, procure fazer os testes caseiros. O primeiro deles é com um solvente. Ao passar acetona em uma das partículas, repare se ela irá desgastar ou não. A resina não desgasta ao entrar em contato com esses produtos. Além disso, a temperatura também pode dizer sobre a autenticidade do produto. Ao esquentar, o âmbar não derrete rapidamente como plástico, mas queima lentamente como um incenso.