pop

Para ir se preparando: os melhores episódios já feitos em "Game of Thrones"

gameofthrones div
Divulgação

(ATENÇÃO, ESTE POST CONTÉM MUITOS SPOILERS!)Com a sexta temporada de “Game of Thrones” se aproximando (ela vai ao ar no dia 24/4), cresce a expectativa do que está por vir, ainda mais por ser a primeira que não vai se basear nos livros do autor, George R.R. Martin, que ainda está terminando o sexto título da saga.

Os criadores da série, David Benioff e Dan Weiss, disseram em entrevista, que eles não estavam exagerando quando diziam que essa será a melhor temporada de “Game of Thrones”.

Existem muitas perguntas a serem respondidas, principalmente se Jon Snow retornará ao programa. Enquanto isso, alguém está muito aliviado de não ter que voltar: o ator Stephen Dillane, que faz Stannis Baratheon. Recentemente, ele fez uma declaração polêmica ao jornal francês Libération. Na entrevista, não economizou nas críticas à HBO e à produção, dizendo ter feito o personagem apenas pelo dinheiro, e que nunca entendeu ou se interessou pelo papel.

Enquanto a nova temporada não chega, que tal relembrar os melhores episódios já feitos de “Game of Thrones”?

1ª temporada

Episódio 9: “Baelor”

O episódio no qual Ned Stark morre. Ninguém espera muito que isso aconteça, e como quase todas as mortes de “Game of Thrones”, pegaram os telespectadores de surpresa. Agora percebemos quão tolos fomos de achar que a família Stark ia ficar sempre unida...

Episódio 10: “Fire and Blood”

Khal Drogo, que demorou para ganhar nossa confiança e gosto, morre por causa de uma ferida boba de batalha, deixa Daenerys viúva e com três ovos de dragão que, teoricamente, não significam nada. Mas a cena final, na qual a protagonista se vê no meio da fumaça com três bebês dragões (fofos) é o pontapé inicial para toda a história de Daenerys.

2ª temporada

Episódio 9: “Blackwater”

A batalha de Blackwater foi um dos momentos mais esperados pelos fãs do seriado, e que já tinham lido o livro, e não decepcionou: é tanta coisa que acontece nesse episódio (aliás, são raras as vezes em que os produtores não escolhem deixar toda a tensão e sofrimento da temporada para os seus dois últimos episódios) que ficamos até exaustos.

Episódio 10: “Valar Morghulis”

O episódio é um dos poucos em que vemos os White Walkers. Sam e seus companheiros estão tentando encontrar Jon Snow, mas dão de cara com os zumbis estranhos feitos de gelo. E, para não perder a tradição, tudo isso nos últimos dois minutos da temporada.

3ª temporada

Episódio 4 : “And Now His Watch Is Ended”

A matança continua. Com a morte de Craster e Jeor Mormont, o caos se estabelece entre aqueles que vivem na Muralha.

Episódio 9: “The Rains of Castemere”

Os criadores de “Game of Thrones” conseguiram fazer todo mundo chorar, se desesperar, e despertar os instintos mais selvagens com a carnificina que rolou no nono episódio. Quando você acha que as mortes acabaram, chega mais uma para a lista. No episódio, percebemos que a família Stark quase não tem mais esperança, apenas com os irmãos mais novos sobrando. O Casamento Vermelho foi, com certeza, um dos episódios mais marcantes do seriado.

4ª temporada

Episódio 2: “The Lion and the Rose”

Os roteiristas de “Game of Thrones”definitivamente têm um problema com casamentos. Dessa vez, no Casamento Roxo, quem morre é Joffrey, mais um que não esperávamos. E, com esse evento, começa a onde de azar de Tyrion Lannister, que é acusado da morte do sobrinho e passa a quarta temporada inteira penando por causa do seu julgamento. Mas não vamos negar, foi bom ver Joffrey tendo aquilo que merecia...

Episódio 10: “The Children”

Mais um episódio em que tudo acontece ao mesmo tempo. Tyrion, condenado pela morte de Joffrey, escapa da cela com a ajuda do irmão, mata sua amante prostituta, mata seu pai e foge dentro de um barril de peixe podre. Enquanto isso, Arya está perdida, sem saber para onde ir e o que fazer, e vai para uma cidade tentar descobrir as respostas dos seus questionamentos.

5ª temporada

Episódio 8: “Hardhome”

De longe, o melhor episódio de todo o seriado. Aquele que te deixa sentado na ponta do sofá do começo até o final. São os 15 minutos mais longos de toda a vida. A batalha dos rebeldes e da Patrulha da Noite contra os White Walkers é de deixar qualquer um nervoso, mas Jon Snow sobrevive...

Episódio 10: “Mother’s Mercy”

...até aqui, que é onde ele morre mesmo. Traído por seus companheiros, ele recebe múltiplas facadas e deixa bem claro que morreu, ou não? Ainda não é certo se ele vai voltar para a sexta temporada, mas gostaríamos que sua morte não fosse totalmente verdade! 

Está meio mórbido depois de tanta matança? Veja se você concorda com as 9 mortes em seriados que ainda não superamos!