Os 20 países mais perigosos para as mulheres

mulheres violentadas eua
Shutterstock

A realidade é triste: no mundo, as mulheres são cada vez mais vítimas de abusos e de homicídios. As altas taxas de mortalidade delas calculadas num grau de 100 mil habitantes, conforme analisa a maioria dos institutos de pesquisa, mostram que ainda temos muito a combater para que esses números diminuam.

Diversas organizações ao redor do mundo quantificaram a taxa mais aproximada de mulheres assassinadas, a fim de se ter um panorama global sobre a violência feminina. Muitos países não colaboraram, principalmente os de regiões como Oriente Médio e África.

Leia também:

Ainda assim, os números que temos à disposição mostram que a violência contra as mulheres é algo mais grave do que se imagina.

Veja, a seguir, quais são os 20 países mais violentos para as mulheres:

#20 Uruguai

mulheres violentadas uruguai
Shutterstock

Pelo menos duas mulheres são assassinadas a cada 100 mil habitantes, de acordo com censo de 2010.

#19 Estados Unidos

mulheres violentadas eua
Shutterstock

Com taxa de 2,2 homicídios a cada 100 mil habitantes, a maior economia do mundo também não é um lugar seguro para as mulheres, principalmente nos maiores centros urbanos.

#18 África do Sul

mulheres violentadas africa do sul
Shutterstock

Também com taxa de 2,2 homicídios a cada 100 mil habitantes, a África do Sul foi um dos poucos países de seu continente com dados sólidos sobre o assunto.

#17 Lituânia

mulheres violentadas lituania afp
AFP

Em 2012, o país europeu registrou 2,3 homicídios a cada 100 mil habitantes.

#16 Panamá

mulheres violentadas panama
Shutterstock

Dados de 2012 classificam o país da América Central com taxa de 2,4 homicídios de mulheres a cada 100 mil habitantes.

#15 Ilhas Maurício

mulheres violentadas ilhas mauricio reproducao
Reprodução

O arquipélago turístico próximo a Madagascar, na costa do continente africano, registra uma taxa de 2,4 homicídios de mulheres a cada 100 mil habitantes.

#14 Cuba

mulheres violentadas cuba
Shutterstock

O país caribenho comandado por Raúl Castro registrou, em 2012, taxa de 2,5 homicídios para cada 100 mil habitantes.

#13 Estônia

mulheres violentadas estonia
Reprodução

O país báltico tem 2,5 mortes de mulheres para cada 100 mil habitantes.

#12 Bielorrússia

mulheres violentadas bielorrussia
Shutterstock

Ex-república da União Soviética, o país europeu registra 2,6 homicídios de mulheres para cada 100 mil habitantes.

#11 Ucrânia

mulheres violentadas ucrania
Shutterstock

O clima tenso se instaurou no país há cerca de dois anos. Antes disso, em 2012, a Ucrânia já registrava a alta taxa de 2,8 homicídios de mulheres a cada 100 mil habitantes.

#10 Porto Rico

mulheres violentadas porto rico
Shutterstock

Em 2010, a taxa de assassinatos de mulheres era de 2,9 a cada 100 mil habitantes.

#9 Letônia

mulheres violentadas letonia
Shutterstock

Mais um país báltico na lista: 3,1 homicídios de mulheres a cada 100 mil habitantes.

#8 Suriname

mulheres violentadas suriname
Shutterstock

O pequeno país que fica em cima do Brasil no mapa tem uma taxa de 3,2 homicídios a cada 100 mil habitantes.

#7 Moldávia

mulheres violentadas moldavia
Shutterstock

A Moldávia é uma ex-república soviética e o segundo país europeu mais violento para as mulheres. São 3,3 homicídios para cada 100 mil habitantes.

#6 México

mulheres violentadas mexico
Shutterstock

Problemas com violência doméstica e tráfico fazem do México um dos países mais violentos do mundo – e isso, infelizmente, se estende à alta taxa de homicídios de mulheres: 4,4 para cada 100 mil habitantes.

#5 Brasil

mulheres violentadas brasil
Shutterstock

O país em que vivemos é um dos mais violentos do mundo para as mulheres, com taxa de 4,8 assassinatos a cada 100 mil habitantes.

#4 Rússia

mulheres violentadas russia
Shutterstock

O país comandado por Vladimir Putin apresentou uma taxa de 5,3 assassinatos de mulheres a cada 100 mil habitantes.

#3 Guatemala

mulheres violentadas guatemala
Shutterstock

Um dos países mais violentos do mundo, a Guatemala, da América Central, registrou em 2012 a alta taxa de 6,2 assassinatos de mulheres a cada 100 mil habitantes.

#2 Colômbia

mulheres violentadas colombia
Shutterstock

O pior país da América do Sul para as mulheres é a vizinha Colômbia. De acordo com dados de 2011, são 6,3 mortas a cada 100 mil habitantes.

#1 El Salvador

mulheres violentadas el salvador
Shutterstock

O Mapa da Violência de 2015 constatou que o país da América Central é, isoladamente, o mais perigoso para as mulheres. O índice de assassinatos chega a 8,9 a cada 100 mil habitantes, muito distante do segundo colocado.