As 10 principais obras da indicada ao Nobel Lygia Fagundes Telles

Divulgação

Vencedora de três prêmios Jabuti (1965, 1974 e 2001) e outros internacionais, como o prêmio português Camões, em 2005, a escritora brasileira Lygia Fagundes Telles finalmente foi indicada ao Prêmio Nobel de Literatura, aos 92 anos.

Sua obra, traduzida para 8 idiomas, é composta por quatro romances, 20 livros de contos, algumas crônicas, participações em antologias e coletâneas. Membro da Academia Brasileira de Letras, Lygia Fagundes Telles é uma das grandes escritoras brasileiras de todos os tempos. Foi casada com Paulo Emilio Salles Gomes, que criou a Cinemateca Brasileira. Após a morte do marido, nos anos 70, chegou a presidir a instituição.

Suas 10 principais obras são: 

“Ciranda de Pedra” (Romance - 1954)

“Verão no Aquário” (Romance que levou o Prêmio Jabuti em 1965)

“Antes do Baile Verde” (Contos – 1969)

“As Meninas” (Romance que levou o Prêmio Jabuti em 1974)

“A Disciplina do Amor”  (Contos – 1980)

“Mistérios” (Contos – 1981)

“As Horas Nuas” (Romance – 1989)

“A noite escura e mais eu” (Contos – 1995)

“Pomba enamorada, ou, Uma História de Amor: e outros contos escolhidos” (Contos – 1999)

“Invenção e memória” (coletânea de contos que levou o Prêmio Jabuti em 2001)