explore

Como funciona um motor elétrico

Todos os direitos reservados

Um motor elétrico é um dispositivo que funciona com corrente alternada ou contínua e que converte a energia elétrica em movimento ou em energia mecânica.

Desde sua invenção, os motores elétricos são ferramentas muito úteis para realizar diversos tipos de tarefas e se encontram em diversos objetos como ventiladores, eletrodomésticos, automóveis e etc. 

Bases de um motor elétricoTodo motor se baseia na ideia de que o magnetismo produz uma força física que move os objetos. E depende de imãs que podem atrair ou repelir outro imã.

Nos motores é utilizado a eletricidade para criar campos magnéticos que se opõe entre sí, de modo que movam uma parte giratória chamada Rotor.

No Rotor se encontra a bobina que tem o campo magnético oposto ao da parte estática do motor.

O campo magnético desta parte gera imãs permanentes e a ação repelente destes polos opostos é o que faz com o que o rotor começa a girar

Se o mecanismo acabasse por aí, quando os polos se alinhassem, o motor pararia. Portanto, para que o Rotor continue a se mover, é necessário que a polaridade do eletroímã se inverta e a forma como esta troca é realizada é que define o tipo de motor elétrico.

Todos os direitos reservados

Tipos de motorA classificação dos motores elétricos depende de sua fonte de eletricidade.

A maioria deles funciona com corrente alternada, que troca a direção do fluxo várias vezes por segundo.

As áreas de polo positivo e negativo no eletroímã se revertem e alteram o que faz com que se mantenha girando.

Qualquer equipamento que se mova e esteja conectado a uma tomada na parede é impulsionado por este tipo de motor.

Todos os direitos reservados

Entretanto também existem os motores que trabalham com corrente contínua. Estes obtém a eletricidade através de uma bateria.

Para realizar o processo de inversão, possuem uma peça chamada comutador, que alterna dentro do eletroímã a direção da corrente e muda a polaridade do campo magnético.

Os motores de corrente contínua são mais primitivos que os de corrente alternada porém podem ser úteis em lugares que não exista uma fonte de corrente elétrica.

A engenharia moderna realizou grandes invenções e o motor elétrico é um exemplo disso. Apesar do magnetismo ser estudado por muitos anos, a utilização disso para criar energia mecânica é algo novo.