7 hábitos dos anos 90 que foram abandonados com a chegada das redes sociais

 É claro que esta lista poderia ser muito maior, mas elegemos 7 hábitos dos anos 90 que as tecnologias mudaram completamente.

Graças às redes sociais, mudamos a forma de realizar determinadas tarefas, que certamente alguns jovens só conhecem de nome, mas não têm ideia do como realizá-las sem usar as redes sociais. Quer fazer uma viagem ao passado e relembrar 7 hábitos que as redes sócias mudaram completamente?

gettyimages 110884567
Todos os direitos reservados

#7 Procurar nas páginas amarelas

Antes, para encontrar o endereço e/ou um telefone de uma empresa, precisávamos das páginas amarelas. As páginas amarelas também serviam para quando alguém precisava de um determinado serviço e queria saber seu horário de funcionamento, etc.

Hoje em dia, encontramos páginas de empresas e serviços no Facebook, Twitter e até no Pinterest. Basta entrar na página que encontramos todos dados e informações que precisamos e, claro, podemos fazer tudo isso dentro ou fora de casa.

#6 Lembra do walkie-talkie?

Ainda que fosse considerado um “brinquedo”, muitas crianças tinham o costume de entrar em contato com seu melhor amigo, vizinho, irmão, etc. por meio dos walkie-talkies, inclusive imitando o seu uso militar, terminando as frases com “câmbio” ou “câmbio, desligo”. Algo que soa maluco, já que até os telefonemas estão caindo em desuso hoje.

#5 Montar um álbum de fotos

Flickr, Pinterest, Instagram, Facebook... Atualmente qualquer rede social nos permite criar nossos próprios álbuns de fotos, e podemos compartilhar todos eles com o mundo. Além disso, os dispositivos móveis nos possibilitam postar uma foto na rede segundos depois de ela ter sido tirada. Diferente de antigamente, quando tínhamos que esperar o rolo de filme terminar para depois levar as fotos para serem reveladas, esperar mais um pouco até que ficassem prontas, colocá-las em um álbum para só depois mostrar aos outros.

#4 Procurar nos classificados

Está procurando emprego? Os avisos nos classificados sempre serão a primeira opção para os mais velhos, mas, os adolescentes e jovens em geral vão direto para os sites de vagas de trabalho online e para a rede social Linkedin.

Como se não bastasse, o Twitter e o Facebook nos permitem publicar e compartilhar avisos solicitando emprego.

#3 Usar filmadoras e VHS

Já não temos mais aquelas montanhas de vídeos etiquetados em nossas casas agora que existe o Youtube para subir nossos vídeos e mostrar eles para o mundo (por meio de qualquer rede social). De fato, as tardes reservadas para assistir a vídeos caseiros morreram, afinal, quem quer ficar em frente à TV quando podemos passar horas assistindo os mais variados tombos, erros de gravação, vídeos assustadores, ou...gatos fofinhos?

#2 Escrever diários

Existe privacidade nas redes sociais? Cada vez menos, na verdade... E, antes, o que muitos faziam como algo “íntimo”, hoje é publicado e compartilhado com milhões de pessoas. Blogs, videologs no Youtube, posts nas redes socais como o próprio Facebook ou o LiveJournal...Qualquer espaço serve para contar ao mundo como nos sentimos, com quem estamos, onde, por quê, e qualquer outra coisa que tivermos vontade de falar.

#1 Gravar músicas da rádio e criar compilações

Poucas coisas são tão características dessa época como gravar canções da rádio em fitas cassete (esperando todos os dias com o cassete em mãos até que as músicas favoritas fossem tocadas, claro). Hoje já não fazemos mais isso, claro. Com a criação de redes como Last.fm, que nos permitem criar nossas próprias playlists, por que havíamos de esperar por algo que já está ali esperando por nós?

E novamente o Youtube é uma opção, junto com o Grooveshark, Deezer ou Spotify que possibilitam que a gente compartilhe nossa música favorita com nossos amigos.

Você já usou ou fez algumas das coisas citadas na lista? Lembra de algum outro hábito dessa época que foi substituído pelas redes socais?