explore

Rede social baseada em troca de experiência atinge 60 mil usuários

[[{"fid":"1001264","view_mode":"default","fields":{"format":"default"},"type":"media","link_text":null,"attributes":{"class":"media-element file-default"}}]]Baseando-se em que a troca é um dos princípios da interação social, em maio de 2013 nasceu uma rede social chamada Bliive, fundada pela brasileira Lorrana Scarpione, com um propósito diferente das redes de maior sucesso: a troca de tempo livre. Agora com mais de 60 mil usuários, o site já conta usuários de mais de 55 países.

Ao realizar a troca de tempo livre através de alguma experiência como uma aula de violão ou apenas uma conversa com alguém que esteja interessado em ser escutado, o usuário ganha uma moeda chamada “TimeMoney” e pode usá-la para trocar por alguma experiência que que queira.

“Assim, colaborando, a nossa motivação não é mais chegar em primeiro, mas a possibilidade continuar caminhando sempre juntos, pois é isso que nos conecta, fortalece e traz sentido", afirma a empresa em seu site oficial.

[[{"fid":"1001265","view_mode":"default","fields":{"format":"default"},"type":"media","link_text":null,"attributes":{"class":"media-element file-default"}}]]Ao entrar na rede social, é possível ver diversos anúncios de experiências oferecidas pelos usuários. Alguns deles são embaixadores biliive, escolhidos por meio de um processo seletivo para colaborar com a causa e divulgá-la.  

Confira o vídeo de apresentação da rede social:https://www.youtube.com/watch?v=iVY9ET6I-tw#