mulher

4 histórias de amor por trás de hits de Marília Mendonça que são sobre sua própria vida

Conhecida por suas músicas de amor e de “sofrência”, Marília Mendonça decidiu revelar quatro histórias por trás hits da carreira que foram inspiradas em vivências próprias.

O Twitter foi o canal escolhido pela cantora para as revelações. Na rede social, a sertaneja compartilhou seus casos de amor que não deram certo no passado e que se transformaram em canções de sucesso da atualidade, como “Saudade Do Meu Ex”, “Folgado”, “De Quem É A Culpa?” e “Olha Só Você”.

Em tom de brincadeira, Marília ainda agradeceu os ex-namorados por terem fornecido material para que ela pudesse compor suas músicas de sucesso.

História por trás de 4 músicas de Marilia Mendonça

Segundo Marília, cada música revela um momento diferente de sua vida amorosa. Em algumas canções, a cantora tenta mostrar como superou relacionamentos antigos, outras mostram a aversão e o carinho da artista por outra pessoa e há composições que revelam o quão desgastante pode ser o vai e vem de companheiros.

E o melhor, segundo Marília, é que as músicas são muito próximas à realidade do público, afinal, são histórias reais. É por isso, diz ela, que muitos fãs conseguem se identificar com as letras das canções da sertaneja.

“Saudade Do Meu Ex”

Marília conta que a música “Saudade Do Meu Ex” é baseada em um relacionamento tão ruim que a fez perceber que o anterior - que ela até então considerava ter sido péssimo - não era tão mau assim.

“Folgado”

Em “Folgado”, Marília relata um namoro com um homem que tentava controlar o comportamento da cantora, como as roupas que ela vestia ou os alimentos que ela ingeria, e seu relacionamento com a família. “O pior namorado que tive”, desabafou

“De Quem É A Culpa?”

Quem nunca teve um amor platônico? Em “De Quem É A Culpa?”, Marília conta sua paixão por uma pessoa muito inteligente e que a fez tentar encontrar diferentes formas de agradar o crush. “Foi a época que mais adquiri conhecimento.”

“Olha Só Você”

Sabe aquela pessoa que some, volta, aí some de novo e só aparece nas horas de carência? Pois Marília Mendonça tinha um desse tipo em sua vida. Até que decidiu dar um basta (e, de quebra, escrever a música “Olha Só Você” para contar a história).

Amor e seus benefícios